os looks do cfda fashion awards 2015

02.06.15 | Moda

O CFDA Awards, premiação anual que elege os melhores estilistas de moda aconteceu ontem, em NY. Paralelo a premiação, o que adoramos mesmo são os looks das convidadas e agora vamos mostrar um pouquinho das escolhas das celebridades, até porque sempre servem de inspiração.

 

cfda1

 

Em premiações como essa, o “pretinho básico” nunca é tão simples assim… Recortes, texturas, comprimentos elevam a produção. Emmy Rossum escolheu um vestido Dior com muitos recortes e transparência, além de uma fenda central. O comprimento no joelho equilibrou o efeito “sensual demais”. Julianna Margulies também mostrou umA leve transparência no vestido Michael Kors – a modelagem é feminina e bem elegante. A sensualidade ficou para Lily Aldridge, que vestiu Thakoon – a peça de manga longa era todo bordado e tinha um decote em V e uma fenda poderosa.

 

preto nada básico

 

Até a monocromia veio modificada. Os vestido nunca levavam apenas uma cor… Detalhes de bordados, costuras ou aplicações deixavam o “simples” com cara de chique, efeito que funciona muito bem. Jacquelyn Jablonski apostou em um vestido Giulietta, de corte clássico em um rosa super elegante. Na barra, uma aplicação de renda preta que deixou a produção poderosa e digna do evento. visual. Pietra Nemcova foi de Max Azria – o vestido vinho evidenciava as costuras, desenhando recortes em toda a sua construção. A mistura de vinho e nude ficou super elegante.Vanessa Hudgens apostou no marinho para a noite e o eleito foi um vestido Sachin & Babi Noir, que era volumoso e assimétrico, e trazia transparência no decote e o “avesso” de outra tonalidade.

 

simple chic

 

E claro que não podíamos deixar de lado os brilhos e bordados. O texturizado caiu no gosto de Amanda Seyfridge, que escolheu um Rodarte colorido de decote profundo, que mesclava um floral bordado com listras coloridas. o Prabal Gurung de Diane Kruger era tomara-que-caia e mostrava uma silhueta alongada e equilibrada. Os brilhos formavam um estampa vertical que ajudou nesse efeito. E para finalizar, Tory Burch usou uma criação que leva seu nome, que mesclou rosa e dourado de uma maneira bem alegre – o tecido se assemelhava a tapeçaria e criou um visual esguio e elegante. Adoramos!

 

texturizados

deixe seu comentário



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *