MFW spring 24 | runway

27.09.23 | Semanas de Moda


 

A semana de moda de Milão nos mostrou narrativas alinhadas com o mood da fashion week nova-iorquina. Visuais delicados, um resgate dos códigos românticos clássicos, cores opacas, feminilidade ao extremo. Essa temporada tem nos mostrado uma atmosfera suave, porém não muito conservadora. Temos ainda um forte apelo sensual, especialmente pelo uso da transparência, dos recortes e decotes mais acentuados e principalmente pelo styling que enaltece shorts extremamente curtos, hot pants e até calcinhas como parte da composição principal do look. Mesmo que haja essa nuance sensual, a feminilidade não é deixada de lado e aparece como um dos principais movimentos estéticos desta temporada spring 24.

 

 

Talvez o toque mais urbano encontrado nos movimentos de milão seja esse, embora ainda carregado de delicadeza. O couro, material robusto geralmente associado às estações mais frias, aqui é trabalhado com movimento e comprimentos diminutos a fim de se encaixar nas temperaturas mais elevadas. Shorts, saias e vestidos feitos no material deixam a pele à mostra e permitem a liberdade do corpo por serem trabalhados de maneira maleável.

 

 

Neste movimento o romantismo se mostra de maneira mais dark. Com a profusão de rosas e a estética do Barbiecore sendo usada à exaustão, esse visual se mostra contrário a tanta doçura, embora ainda promova toques de romantismo. Se a Barbie tivesse uma versão gótica, esse seria seu visual.

 

 

As franjas ganham altas doses de sofisticação e modernidade nessa temporada e deixam de ser usadas como mero detalhes para se tornarem um ponto focal importante do visual. Em materiais mais densos como o couro e pesados e marcantes como as metalizadas, elas vêm em blusas e vestidos completos trazendo ao mesmo tempo movimento, delicadeza e complexidade ao look.

 

 

Shots muito curtos, hot pants e calcinhas passam a ser mostrados sem qualquer sombra de modéstia. Se com o retorno da estética dos anos 2000 os fios das calcinhas passaram a ser mostrados sob calças de cintura baixa, agora as peças deixam de ser apenas sugeridas e passam a fazer parte da composição principal do visual, aparecendo sob peças transparentes ou mesmo usadas como shorts.

 

 

Das cores mais suaves que aparecem em quase todas as coleções desfiladas em Milão, o azul-bebê certamente é uma das principais dessa paleta delicada. Vimos a cor ser bastante usada na semana de moda de Copenhagen e agora ela se consagra em Milão nos mostrando uma possível tendência forte para o verão 2024/25.

 

 

Movimentos que trazem elementos esportivos e peças funcionais são atualizados para uma forma mais moderna, pautada no minimalismo sofisticado e em looks estruturados

deixe seu comentário



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *